quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

Boletim: Bahia registra 450 casos suspeitos de microcefalia


No estado da Bahia, desde outubro de 2015 até o dia 11 de janeiro de 2016, foram notificados 450 casos suspeitos de microcefalia com perímetro cefálico menor ou igual a 32 centímetros. Os casos ocorreram em 83 municípios, sendo Salvador o que apresentou o maior número, com 263 casos (58%). 

Do total de casos notificados de microcefalia, 121 mães (26,9%) referiram ter tido doença exantemática na gestação. Dessas, 68 informaram que a doença exantemática ocorreu no primeiro trimestre, 32 no segundo trimestre, nove no terceiro trimestre e 12 não lembravam ou não souberam precisar o trimestre. Durante a gestação, 207 (46%) não apresentaram a doença exantemática e 122 (27,1%) não souberam dizer.

Dentre os 450 casos, foram notificados dez óbitos nos municípios de Salvador (2), Itapetinga (1), Olindina (1), Tanhaçu (1), Camaçari (1) e Itabuna (1), Campo Formoso (1), Alagoinhas (1) e Crisópolis (1). Mais informações no site da Secretaria de Saúde do Estado.

Ações

Diversas ações de pesquisa e desenvolvimento tecnológico estão em curso pelo Governo do Estado para combater o Aedes aegypti. Dentre elas, destaque para o teste rápido para dengue e chikungunya, o caça mosquito, mosquito transgênico, bacillus thuringiensis israelensis, wolbachia e repelente com nanotecnologia.


Áudio:

Nenhum comentário:

Postar um comentário