quinta-feira, 14 de janeiro de 2016

Corpo do comediante Shaolin é enterrado em Campina Grande

Foi enterrado no fim da tarde desta quinta-feira (14) o comediante Francisco Josenilton Veloso, o Shaolin. O artista morreu aos 44 anos na madrugada após uma parada cardiorrespiratória, em uma clínica particular de Campina Grande, no Agreste da Paraíba. 

O enterro aconteceu em cerimônia íntima, restrita à família e a alguns amigos no cemitério Campo Santo Parque da Paz, também em Campina Grande. A cerimônia aconteceu sob aplausos e ao som da música "Não aprendi dizer adeus", da dupla Leandro e Leonardo.

O velório aconteceu ao longo do dia e foi reservado à família em alguns momentos, mas também  foi aberto ao público. Durante o dia e no velório, vários artistas e políticos prestaram homenagens e falaram sobre a importância do comediante"A lição que ele deixou foi de que não importa a desgraça, a gente sempre pode fazer graça", disse o filho do comediante Shaolin, o também comediante Lucas Veloso, durante o velório do pai.
Lucas contou que esteve com o pai na noite de quarta-feira (13) e que "ele estava sereno". "Foi uma surpresa porque ele estava muito bem. O que sinto agora, depois de quase 20 anos convivendo com um paizão maravilhoso, é mau humor", disse. O filho do comediante também destacou a luta pela vida nos últimos anos. "Ele sofreu o acidente e passou cinco anos mostrando que não é um 'caminhãozinho' que tira a gente da estrada", lembrou.
A cantora Joelma, ex-Banda Calypso, chegou ao velório no fim da tarde. A cantora era uma das artistas imitadas pelo humorista. Shaolin é um amigo, uma pessoa especial para mim e para o Brasil. A tristeza não chegava perto dele e as pessoas que estavam tristes sorriam naturalmente com ele. Isso é um dom lindo de Deus e ele vai deixar muita saudade lembranças em meu coração. Eu tive momentos maravilhosos com ele nos camarins e nos palcos. Ele era diferente e especial. Muitos viam ele sorrindo o tempo inteiro, mas ele tinha um caráter muito puro e verdadeiro”, disse a cantora.
Shaolin recebia cuidados médicos em casa desde 2011, após sofrer um acidente de carro. A informação da morte foi publicada no Facebook de Laudiceia Veloso, viúva do artista.
"#‎LUTO‬ Depois de 1821 dias, nosso guerreiro terminou sua batalha. É com muita tristeza que divido a nossa dor com todos vocês. Shaolin apresentou um quadro febril nesta terça e que, infelizmente evoluiu para uma infecção, precisando de internação imediata. Recebemos a notícia do hospital, neste momento, que ele sofreu uma parada cardiorrespiratória e não resistiu. As informações sobre velório e local de sepultamento, divulgarei mais tarde. Obrigada a todos pelas orações e pela força!", informou a viúva pela rede social.

Nenhum comentário:

Postar um comentário